Glossário PNL – M

A – B – C –  D –  E –  F  – G  – H –  I –  J – K –  L – M – N – O – P – Q – R – S – T – U  – V – W – X – Z

  • Mapa da realidade – O modelo de mundo de cada pessoa. A representação interna construída através de suas próprias percepções.
  • Marcação analógica – Marcação mais forte de uma parte da mensagem para representar mais importância com o objetivo de captar a atenção. Usar o tom de voz e a linguagem corporal para acentuar uma palavra ou parte da mensagem.
  • Marcação Tonal – Usar o tom de voz para acentuar o significado de determinadas palavras dentro da mensagem.
  • Mecanismo de defesa – (ver Mecanismos de defesas)
  • Mediação – Mediar conflitos. Ser como um juiz dentro de uma disputa, mas sem impor julgamento.


  • Mente – A parte não  física, mas cognitiva. É o lugar da atividade psíquica. Pensamentos, vontades, emoções, consciência, subconsciência. A mente pode modelar o cérebro porque suas estruturas cognitivas (emoções, crenças, pensamentos) afetam a estrutura do cérebro, o qual possui neuro-plasticidade. Os programas mentais de uma pessoa também podem ser programados e reprogramados. A PNL é a tecnologia mais conhecida para fazer essa mudança.
  • Meta – Um dos pilares da PNL. É algo que se pode realizar. Uma etapa a ser atingida. Significa “Acima” ou “além”.
  • Metacognição – O conhecimento que a pessoa têm sobre seus próprios processos cognitivos e a habilidade de controla-los. Monitorando, organizando, e modificando-os para realizar objetivos concretos. (definição de John Flavell -1970)
  • Meta-estado – um estado sobre outro estado. Exemplo: Estar feliz e estar preocupado.
  • Metáforas – Comunicação indireta que utiliza uma história, alegoria  ou uma figura de linguagem para passar uma mensagem e acessar a mente. São extraordinariamente eficientes para comunicação. Elas quebram resistências desafiam convicções e geram curiosidade, enquanto a mensagem entra na mente.
  • Metamodelo de linguagem Desafia generalizações, omissões e distorções da linguagem. Um modelo baseado em perguntas para clarificar significados.
  • Metaposição – Uma posição externa a uma situação que permite que você veja de forma mais objetiva. Em PNL define posições de observador em exercícios/vivências.
  • Metaprogramas – São filtros automáticos que usamos para perceber a realidade. VER: Filtros perceptivos da PNL . Os Metaprogramas filtram automaticamente a nossa experiência. Distância, interno ou externo, próximo ou distante da experiência. Essas características de como percebemos a realidade e os acontecimentos guiam/dirigem os nossos processos mentais.
  • Microestratégia, macroestratégia e metaestratégia – (VER estratégia macro, micro e meta)
  • Modelagem – Em PNL é um processo de modelar e copiar desempenhos excelentes de outras pessoas. Mapear e repetir os processo internos e externos da pessoa que já tingiu com excelência o nível de desempenho e resultado que se almeja.
  • Modelagem simbólica – Método para que as pessoas descubram novas formas de perceberem a si mesmas e o mundo. Método que ajuda as pessoas a organizarem suas metáforas sobre a vida. Se viver é “matar um leão por dia”, por que não deixar os leõezinhos viverem e troca-los  por “caminhos cheios de flores por todos os lados?”
  • Modelo – Organização/descrição de como algo pode ser reproduzido.




  • Modelo de mundo – Todos experimentam coisas diferentes, vivem situações únicas e possuem um modelo de mundo diferente um dos outros. Todos Experimentam diferentes experiências e vivências. Um homem que corre por uma rua pode ser percebido por diversas formas. Conforme o mapa de mundo de cada um. O homem pode representar uma ameaça para quem vivenciou um assalto em que o assaltante saiu correndo pela rua. Para outra pessoa com um mapa diferente que não vivenciou um assalto, mas pratica corrida de rua, percebera o homem como um atleta.
  • Modelo Milton – Linguagem vaga para o cérebro encontrar respostas. O modelo Milton de linguagem é o inverso do metamodelo de linguagem. Sugestão hipnótica que  deixa espaço para o pensamento para o cliente, que pode então preencher os detalhes adequados as lacunas presentes usando sua mente inconsciente (Modelagem de Milton Erickson). Exemplo: “eu não quero que você pense nisso agora…” Milton Erickson utilizava frases indiretas e vagas que faziam a pessoas começar a pensar. (sugestão mental: A sugestão de “Não pensar”, significa “pensar”para o cérebro)
  • Moldura – Um resultado dentro de uma moldura (quadro mental)

    A – B – C –  D –  E –  F  –  – H –  –  J – K –  L – M – N – O – – Q – R – S – T – U  – V – W – X – Z


    TAGS: Glossário PNL M, Programação neurolinguística.

%d blogueiros gostam disto: